DestaqueGoiâniaGoiásNotíciasUropediatra GoiâniaUropediatria Goiânia

Quando realizar o tratamento da hérnia na infância?

A hérnia na infância é um problema comum potencialmente grave que requer tratamento adequado para permitir o correto desenvolvimento da criança.

 

O que são hérnias?

 Hérnias são protuberâncias provenientes da projeção de parte do intestino que surgem na região do umbigo ou da virilha. Em condições normais, os músculos abdominais impedem que os órgãos e tecidos se desloquem para uma posição inadequada. Em alguns casos, trajetos não se fecham e a parede abdominal não consegue suportar a pressão exercida pelo intestino e o órgão acaba se deslocando por meio de um orifício que se abriu, resultando no aparecimento da hérnia.

 

Tipos de hérnia na infância

As hérnias costumam aparecer em dois locais principais no bebê: em volta do umbigo, conhecida como hernias umbilicais e na região da virilha, as que são as hérnias inguinais.

 

Hérnia umbilical

 Muito comum na infância, a hérnia umbilical ocorre quando a abertura para os vasos sanguíneos do cordão umbilical não fechou completamente.

Em geral, a hérnia umbilical tende a desaparecer espontaneamente até os 3 ou 4 anos de idade e, geralmente, é assintomática. Na hérnia umbilical, o intestino delgado pode se projetar através da abertura quando a criança tosse, chora ou faz força durante uma evacuação.

 

 Hérnia inguinal

 A incidência é de 1% a 4% em recém-nascidos a termo e nos prematuros de até 30%, principalmente em bebês do sexo masculino.

Na hérnia inguinal, uma alça do intestino abre passagem através de um orifício da parede abdominal até ao canal inguinal. Durante o desenvolvimento, os testículos, que se formam no abdômen, passam através do canal inguinal ao descerem para o escroto. Nas meninas, isso ocorre em virtude da passagem de um ligamento que dá sustentação ao útero.

Geralmente provocam uma protuberância indolor na região inguinal ou no escroto. Pode haver dor, inchaço e vermelhidão nos casos em que ocorre encarceramento (uma parte do intestino fica aprisionada no escroto).

 

Como tratar a hérnia na infância?

 O tratamento cirúrgico para a hérnia umbilical só é recomendado quando até os 3 ou 4 anos não houve a resolução espontânea ou o defeito na parede abdominal atinge mais de 2 cm de diâmetro.

Como a hérnia inguinal não há resolução espontânea, o tratamento cirúrgico é sempre indicado. Além disso, a condição pode levar ao estrangulamento da hérnia, quando o intestino fica aprisionado e não recebe o fluxo sanguíneo adequado, quadro clínico que representa uma emergência médica.

 

Cirurgia

 A cirurgia para a correção da hérnia na infância é realizada sob anestesia geral e é considerado pouco invasivo. Uma pequena incisão é realizada na região umbilical ou inguinal – dependendo do tipo de hérnia a ser tratada – pela qual será deslocada a alça do intestino para a cavidade abdominal. Em seguida, o cirurgião faz o fechamento do trajeto da hérnia.

O pós-operatório é considerado bastante rápido, geralmente, a criança recebe alta no mesmo dia e voltar à sua rotina normal após a primeira semana.

 

 

Agende sua consulta

Dr Marcelo de Oliveira Rosa

Clínica do Cálculo: (62) 4008-7800

Nefroclínica: (62) 3923-7329

Whatsapp: (62) 98296-7774

5/5 - (1 vote)

Uropediatria Goiânia

Uropediatria Goiânia

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Content is protected !!
Whatsapp
Agende sua consulta com o Dr Marcelo
Agende sua consulta com o Dr Marcelo de Oliveira Rosa